Bolsa de Valores de Mocambique
HCB 3,00
CDM 215.00
CMH 1,100,00
CETA 120,00
EMOSE 17,00
ZERO 20,00
TOUCH 100.00
ARCO 100.00
OT 2005 S2 8.00%
Moza Banco 2013 Sub 14.50%
Visabeira 2015 21.75%
OT 2015 S4 10.125%
OT 2015 S5 10.50%
OT 2015 S6 10.50%
STB 2015 S1 21.75%
STB 2015 S2 21.75%
STB 2015 S3 21.75%
BNI 2016 S1 15.00%
Bayport 2016 S1 26.50%
Bayport 2016 S2 27.25%
OT 2016 S1 11.00%
OT 2016 S2 12.75%
OT 2016 S3 16.125%
OT 2016 S6 14.00%
OT 2017 S1 15.625%
OT 2017 S2 14.625%
OT 2017 S3 15.00%
OT 2017 S4 15.125%
OT 2017 S5 14.5625%
OT 2017 S6 18.25%
OT 2017 S7 18.25%
CM 2017 19.50%
Millennium BIM 2017 15.75%
Opportunity Bank 2017 S1 19.25%
Bayport 2017 S1 24.50%
OT 2018 S1 14.50%
OT 2018 S2 14.625%
OT 2018 S3 14.5625%
OT 2018 S4 10.00%
OT 2018 S5 16.00%
OT 2018 S6 16.00%
OT 2018 S7 16.00%
OT 2018 S8 16.00%
OT 2018 S9 16.00%
OT 2018 S10 16.00%
OT 2018 S11 16.00%
OT 2018 S12 16.00%
OT 2019 S2 14.00%
OT 2019 S3 14.00%
Opportunity Bank 2018 S1 19.25%

Detalhes

Decorreu no dia 27 de Novembro de 2018 a subscrição directa pelos Operadores Especializados em Obrigações do Tesouro (OEOT), de um montante  de 2,500,000,000.00 MZN, a taxa de juro de 16,00%, com o valor nominal unitário de 100 Meticais, representativas das OT 2018 – 12ª Série. Esta questão previa uma ressalva, na qual o Departamento do Tesouro Nacional reservava-se o direito de aumentar o limite do Valor da Emissão se a demanda excedesse 2.500.000.000,00 MT.

As OT 2018 – 12ª Série são representadas por valores mobiliários escriturais, não havendo por isso lugar à emissão física de títulos, sendo a sua emissão e titularidade evidenciadas através da inscrição em conta de registo de emissão e contas de registo de titularidade.

As obrigações foram admitidas à cotação na Bolsa de Valores de Moçambique no dia 28 de Novembro de 2018.

 

Detalhes

Decorreu no dia 13 de Novembro de 2018 a subscrição directa pelos Operadores Especializados em Obrigações do Tesouro (OEOT), de um montante  de 3,528,000,000.00 MZN, a taxa de juro de 16,00%, com o valor nominal unitário de 100 Meticais, representativas das OT 2018 – 11ª Série. Nesta  emissão estava prevista uma ressalva, na qual reservava-se à Direcção Nacional do Tesouro o direito de aumentar o limite do montante da emissão, caso a procura excedesse os 700.000.000,00 Meticais.

As OT 2018 – 11ª Série são representadas por valores mobiliários escriturais, não havendo por isso lugar à emissão física de títulos, sendo a sua emissão e titularidade evidenciadas através da inscrição em conta de registo de emissão e contas de registo de titularidade.

As obrigações foram admitidas à cotação na Bolsa de Valores de Moçambique no dia 13 de Novembro de 2018.

 

Detalhes

Decorreu no dia 23 de Outubro de 2018 a subscrição directa pelos Operadores Especializados em Obrigações do Tesouro (OEOT), de um montante  de 3,285,000,000.00 MZN, a taxa de juro de 16,00%, com o valor nominal unitário de 100 Meticais, representativas das OT 2018 – 10ª Série. Nesta  emissão estava prevista uma ressalva, na qual reservava-se à Direcção Nacional do Tesouro o direito de aumentar o limite do montante da emissão, caso a procura excedesse os 700.000.000,00 Meticais.

As OT 2018 – 10ª Série são representadas por valores mobiliários escriturais, não havendo por isso lugar à emissão física de títulos, sendo a sua emissão e titularidade evidenciadas através da inscrição em conta de registo de emissão e contas de registo de titularidade.

As obrigações foram admitidas à cotação na Bolsa de Valores de Moçambique no dia 24 de Outubro de 2018.

 

Detalhes

Decorreu no dia 09 de Outubro de 2018 a subscrição directa pelos Operadores Especializados em Obrigações do Tesouro (OEOT), de um montante  de 820,000,000.00 MZN, a taxa de juro de 16,00%, com o valor nominal unitário de 100 Meticais, representativas das OT 2018 – 9ª Série. Nesta  emissão estava prevista uma ressalva, na qual reservava-se à Direcção Nacional do Tesouro o direito de aumentar o limite do montante da emissão, caso a procura excedesse os 700.000.000,00 Meticais.

As OT 2018 – 9ª Série são representadas por valores mobiliários escriturais, não havendo por isso lugar à emissão física de títulos, sendo a sua emissão e titularidade evidenciadas através da inscrição em conta de registo de emissão e contas de registo de titularidade.

As obrigações foram admitidas à cotação na Bolsa de Valores de Moçambique no dia 11 de Outubro de 2018.